Laboratório
Maker
 

Público Alvo: Ensino Fundamental e Ensino Médio

O que é um Espaço Maker?

Cada vez mais solicitado pelas instituições de ensino, trata-se de um ambiente que estimula e permite aos alunos criarem, experimentarem e compartilharem soluções para os desafios atuais, a partir de recursos e ferramentas digitais, tecnológicas e tradicionais, como as de marcenaria, por exemplo.

Quais os objetivos pedagógicos de um Laboratório Maker?

As crianças e jovens de hoje gostam de protagonizar a própria história, adquirindo conhecimentos e apontando soluções para os problemas. Por se tratar de uma geração de estudantes inquietos mas produtivos, a Escola busca estimulá-los para que:

- Adquiram conhecimentos que expressem suas habilidades e anseios intelectuais.

- Acreditem em um futuro de realizações pessoais e profissionais.

- Tenham acesso a ferramentas fáceis de usar para concretizar o que planejam.

- Sejam participativos e colaborativos.

-Compartilhem suas criações, percebendo que podem contribuir para o bem-estar da coletividade.

- Aprendam, de forma lúdica e criativa, através da prática.

- Percebam as novas demandas e se integrem às mudanças, adquirindo autonomia de pensamento e ação.

Quais os avanços que um Laboratório Maker pode produzir no contexto escolar?

Trata-se de um difusor da cultura de inovação no aprendizado, a partir da realização de projetos interdisciplinares alinhados à BNCC (Base Nacional Comum Curricular).

O professor, neste ambiente pedagógico coletivizado, atua como facilitador, orientando os alunos, esclarecendo dúvidas, trazendo questionamentos e perguntas, para que o processo de aprendizagem se torne mais rico e estimulante. Assim, a criação de obras e invenções integram-se ao cotidiano escolar.

Quais disciplinas podem desenvolver trabalhos no Laboratório Maker?

Não há restrições. Todas as áreas de conhecimento podem realizar projetos neste espaço escolar, envolvendo de modo importante grupos de estudos, de planejamento e de execução de projetos.